Entenda o que é feedback

Feedback freelancer select

Com a evolução digital, as pessoas deixaram de ser passivas e têm um comportamento ativo na forma de interação com o mundo. Assim, surgiu no ambiente corporativo o termo feedback, criado para aprimorar as relações de trabalho e aproximar os membros da hierarquia de uma empresa. Mas, você sabe o que é feedback?

A palavra feedback é de origem inglesa, composta pela junção das palavras “feed” e “back”. Em uma tradução livre, “feed” significa “alimentar” e “back” é o mesmo que “de volta/voltar”. Assim, literalmente, se pode traduzir como alimentar de novo, realimentar, responder ou retornar.

Atualmente, é uma palavra muito utilizada, principalmente em ambientes de trabalho. Porém, nem todo mundo entende realmente o que é feedback. Será que você sabe?

Saber o que é feedback é fundamental para desenvolver um bom clima organizacional.

 

O que é feedback?

Imagine que você atua como freelancer e recebeu um trabalho para fazer. Após a execução, o serviço é entregue ao contratante e você aguarda o retorno dele com a confirmação de que está tudo certo. Essa resposta é o famoso feedback.

Seja no mundo empresarial, nas redes sociais ou na convivência diária com amigos e familiares, o conceito de feedback é sempre o mesmo. Dentro de uma empresa, ou de um serviço contratado, está relacionado ao retorno esperado sobre uma ação ou resultado obtido por quem a realizou ou entregou.

Da mesma forma, quando um amigo ou um influenciador digital pede que você dê um feedback, ele quer receber uma resposta sobre algo que foi feito, uma opinião sobre um fato ocorrido.

Existem duas formas de dar esse retorno.

Feedback freelancer select

Feedback negativo

No exemplo anterior, considere que houve um retorno do contratante, mas não foi nada agradável. Ele não gostou do seu trabalho e pediu para você refazer. Isso é conhecido como feedback negativo, provavelmente diferente daquele retorno que você esperava.

Para dar um retorno negativo, existem recomendações que precisam ser levadas em consideração:

Nunca dê o feedback individual na frente de outras pessoas;
Tente ser rápido em realizar a crítica de um problema, pois caso passe muito tempo, o empregado poderá não se lembrar mais;
Evite dar espaço para que ocorram pedidos de desculpas ou muitas justificativas. Esse não é o foco. O objetivo está em solucionar.
É importante lembrar que dar uma avaliação negativa a alguém exige sensibilidade e sinceridade. Portanto, muito cuidado com a escolha das palavras e com a entonação com que o feedback será dito.

Feedback positivo

No mesmo exemplo, se o retorno do contratante for um elogio sobre o que foi feito ou uma sinalização de que você entregou o resultado esperado, então você recebeu um feedback positivo.

Assim como a crítica, uma resposta positiva é muito importante para desenvolver boas relações entre as pessoas e auxilia na manutenção da motivação.

Porém, ao contrário do feedback negativo que deve ser individual, o feedback positivo deve, sempre que possível, ser dito para que todos do time vejam. Isso torna o ambiente de trabalho para o time melhor e mais produtivo.

 

Qual é a sua importância?

Em qualquer forma de convívio em sociedade é de suma importância entender o que é feedback e saber utilizá-lo corretamente.

A ferramenta é poderosa em uma relação de trabalho, já que é uma ação de dar e receber críticas ou elogios sobre a tarefa executada.

A lógica da cultura organizacional de feedback é a de que uma pessoa que é informada sistematicamente sobre seu desempenho e o andamento de suas atividades tem mais possibilidades de aperfeiçoar a sua forma de trabalhar e entender o seu papel dentro dessa cultura.

Feedback freelancer select

O mesmo vale para um trabalhador freelancer, ou seja, receber feedbacks, interpretá-los com calma e, a partir disso, implementar ações de melhoria, vai fazer com que o serviço prestado evolua constantemente em relação à qualidade.

Entretanto, nem sempre o feedback é utilizado de modo adequado. Uma das grandes dificuldades de implantar esse instrumento de comunicação nas empresas está na atitude negativa dos chefes em receber críticas dos seus subordinados.

O pensamento comum do alto escalão é que não precisa haver reciprocidade nas avaliações, porque apenas os que estão sob sua chefia precisam receber análises sobre desempenho. Esse tipo de pensamento vai de encontro ao princípio mais importante do feedback, de que ele é uma via de mão dupla.

O mesmo se aplica na relação de empresas com prestadores de serviços como freelancers.  O contratante avalia o serviço do freelancer e dá um feedback honesto e o freelancer por outro lado também pode dar retorno ao seu cliente sobre a forma de trabalho, comunicação, dentre outros aspectos.

Outro ponto importante é que uma empresa também precisa estar preparada para permitir que os seus clientes opinem sobre a qualidade dos serviços prestados. Desse modo, é possível desenvolver um ciclo de crescimento contínuo, no qual são analisadas as críticas construtivas, feitas as correções necessárias para a melhoria na qualidade do serviço e recebimento de novas avaliações.

Os feedbacks de clientes são essenciais porque permitem entender as experiências que eles têm com o seu produto ou serviço, e também pela oportunidade de criar relações mais próximas com o público. Estar atento a essas opiniões pode fazer com que a empresa aumente o nível de satisfação dos clientes.

Ter um mecanismo de feedback robusto e enraizado na cultura organizacional trará um aumento da produtividade, aperfeiçoamento dos serviços prestados e redução de custos com ações ineficientes.
Além disso, ele também gera melhorias no clima organizacional. Isso, consequentemente, permitirá que a empresa retenha os talentos, e evitará o desligamento de pessoas em razão de um desagradável ambiente de trabalho.

Novamente, o mesmo pensamento vale para prestadores de serviços, pois quanto melhor for a maneira de receber feedbacks e de evoluir em relação a isso, maiores serão as oportunidades de trabalho que chegarão.

 

Como fazer?

Tudo começa a partir do momento da criação de uma cultura organizacional que promova a interação diária entre chefia e subordinados. Os empregados de menor escalão precisam perceber que as suas opiniões são recebidas, ouvidas e respeitadas, porque assim se sentirão protegidos pela empresa.

Uma companhia que oferece um ambiente hostil para seus funcionários não terá sucesso na implantação desse mecanismo. Uma organização que adota um tipo de postura nada amigável não possibilita aos seus colaboradores entender o que é feedback.

Outro aspecto importante que precisa ser observado é se todas as atribuições exigidas do empregado ou de um freelancer foram informadas a ele no momento da sua contratação, caso contrário, a insatisfação será o único sentimento desenvolvido por ambas as partes. Assim também deve ser com as metas e objetivos definidos para executar o trabalho em questão.

Por isso, o feedback é um forte instrumento de comunicação, pois garante que possíveis falhas sejam resolvidas em uma conversa.

Para facilitar e responder de forma prática a pergunta de como fazer o feedback foram criados modelos de processos que podem ser utilizados por qualquer um. Um deles é chamado de feedback sanduíche, projetado para situações em que alguém tem bom desempenho, mas existem pontos que precisam ser aperfeiçoados.

Esse modelo é composto de três etapas:

  • Elaborar uma relação com todos os pontos positivos do empregado (escolher duas características que estão conectadas com aquilo que originou o feedback);
  • Criar outra lista com os aspectos que precisam ser melhorados. Ser claro e objetivo;
  • Finalizar com palavras de motivação e de encorajamento.
    Ao elaborar o modelo, nunca utilize palavras negativas após destacar as qualidades do colaborador, como, por exemplo, mas, porém, não, nunca, etc.

Além de tudo o que já foi mencionado, o aprendizado de como criar um ambiente positivo para o feedback pode ser separado em três ações fundamentais, que são ouvir, entender e consertar.

Ouvir é a parte fundamental da criação de uma cultura organizacional baseada em feedback. Fonte: Jonathan Little

Feedback freelancer select

Ouvir

Ouvir é sem dúvida a pedra fundamental da cultura de feedback. Por meio dessa ação será possível a troca de opiniões, críticas e elogios. Esse é um dos aspectos que tornam mais difíceis a transformação do ambiente de uma empresa. Desenvolver a postura de ouvinte nos seus colaboradores, principalmente naqueles que ocupam posições de comando, é o maior desafio.

Os funcionários precisam encontrar na direção da empresa o exemplo a ser seguido. Quando um chefe adota um comportamento defensivo, impenetrável, cria um modelo comportamental para todos e atrasa o desenvolvimento da empresa. A ausência de bons ouvintes é a maior culpada pela não implantação da cultura de feedback.

No caso de trabalhadores freelancers, é fundamental ouvir o feedback de forma atenta, sem se distrair com o que tem ao redor, para que seja possível compreender o que foi dito pelo contratante.

Entender

Quando se consegue transpor o obstáculo da falta de bons ouvintes, começa a segunda etapa do processo. Entender está relacionado ao ouvir. O feedback que é dado por alguém precisa ser ouvido com atenção para que haja o entendimento.

Nessa fase não é permitido que permaneça qualquer sombra de dúvida sobre a opinião dada. A compreensão da mensagem passada pela outra pessoa é imprescindível para que o assunto seja avaliado corretamente e que a próxima etapa do processo seja realizada com sucesso.

Consertar

Seja um feedback positivo ou negativo, ele precisa passar pelas etapas de ouvir, entender e consertar. Até quando há um elogio ou uma opinião positiva, a pessoa que recebeu precisa aceitar e agradecer.

Nos casos de críticas, a ação de consertar é fundamental. Essa é a parte final do ciclo da cultura de feedback. É nesse momento que a crítica, se for de fato coerente, precisa se transformar no movimento de mudança, de conserto do que está errado. Se a empresa chegar até essa fase e não conseguir realizar a correção do problema, o processo precisa ser revisto desde o início.

Gostou de saber o que é feedback? Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário abaixo. Aproveite para contar sua experiência sobre como recebe críticas ou elogios.

Até a próxima!